Nutrição energética - Grãos e Soja


Nutrição energética - Grãos e Soja

De acordo com a Medicina Tradicional Chinesa, os grãos devem constituir a parte principal da dieta diária. Os grãos fornecem força e resistência ao corpo e promovem estabilidade emocional, equilíbrio mental e tranquilidade.

Os grãos são principalmente doces e afetam principalmente o Baço-Pâncreas e o Estômago.

Sua natureza térmica é quente, neutra ou fria, dependendo do tipo de grão.

Uma dieta rica em grãos garante um bom equilíbrio entre a formação de Qi, Yin e Yang.

Com sintomas de resfriado, durante a estação fria, ou ao seguir uma dieta principalmente vegetariana, deve-se dar preferência a tipos de grãos quentes como aveia ou trigo sarraceno. Nesses casos, a energia térmica dos grãos deve ser aumentada pela adição de especiarias e vegetais quentes à dieta, como canela, gengibre, alho, passas e erva-doce .

A soja é listada com grãos aqui (embora seja uma leguminosa), porque desempenha um papel nutricional semelhante na dietética chinesa.

  • Para tratar o excesso (voz alta, traços coléricos, extrovertidos; língua vermelha, às vezes com saburra espessa): trigo, arroz, cevada.

  • Para tratar a deficiência (pessoa fraca; voz fraca e baixa; freqüentemente cansada e exausta; língua pálida e inchada; pulso fraco): aveia, arroz, trigo-vermelho, milho.

  • Para tratar o calor (língua vermelha, pulso rápido, rosto vermelho, olhos avermelhados, nervosismo): trigo, cevada, amaranto.

  • Para tratar o frio (língua pálida e inchada, fraca; pulso lento, tremores, aversão ao frio, piora da condição e dor com frio): aveia, arroz, milho.

  • Para tratar a umidade (inchaço, edema; distúrbios crônicos da fleuma, por exemplo, sinusite frontal, bronquite): painço, centeio, trigo sarraceno, cevada.

  • Para tratar a secura (boca seca, lábios e pele; prisão de ventre): trigo, trigo-vermelho.


Referência:

Kastner, J. Chinese Nutrition Therapy - Dietetics in Traditional Chinese Medicine. Thieme 2004

6 visualizações

Todos os Direitos Reservados ©2019 by medicofisiatra.com.br. Para uso de algum dos conteúdos entrar em contato conosco.