Relacionamento Baço-Pâncreas e Estômago (elemento Terra) – dietética energética para o Baço parte 2


Deficiência de Qi do Baço-Pâncreas (Pi Qi Xu)

Essa é uma das síndromes mais comuns encontradas na prática clínica.

Diagnóstico ocidental: gastroenterite, indigestão, síndrome de má absorção, diarreia, anemia e distúrbios intestinais inflamatórios.

Sintomas: fadiga crônica, exaustão geral, suscetibilidade à infecção, falta de apetite, fraqueza e fragilidade dos membros, desejo por doces; pele pálida e pálida; fezes macias e desleixadas; às vezes diarreia.


Deficiência de Yang do Baço-Pâncreas (Pi Yang Xu)

A deficiência de Yang do Baço-Pâncreas pode resultar de prolongada deficiência de Qi do Baço-Pâncreas ou enfraquecimento acentuado da Baço-Pâncreas devido a alimentos frios, refeições e hábitos alimentares irregulares.

Diagnóstico ocidental: gastroenterite crônica, anemia, má absorção crônica e distúrbios gastroenterológicos crônicos.

Sintomas: pés e mãos estão sempre frios; tremores; sensação de frio no abdômen; fezes aquosas com partículas de alimentos não digeridas; edema, fraqueza, fadiga, problemas digestivos crônicos.


Patogênese

Quatro fatores podem enfraquecer o Baço-Pâncreas:

  • Dieta

  • Estresse mental

  • Clima

  • Doença crônica


Dieta

O principal fator que leva ao enfraquecimento do Qi do Baço-Pâncreas são os maus hábitos alimentares, como refeições irregulares, comer muito tarde no dia (por exemplo, fazer a primeira refeição quente do dia à noite), comer demais, consumo excessivo de alimentos frios e crus (muitos produtos Yin), muito leite, excesso de alimentos congelados, aquecimento e cozimento de alimentos no microondas, consumo excessivo de especiarias picantes e muitos alimentos Yin durante as estações frias.


Estresse mental

Atividade mental excessiva e estresse mental produzem uma deficiência de Qi no Baço. Essa síndrome é agravada por alimentos ingeridos às pressas devido à tensão mental combinada com a pressão do tempo e o estresse.


Clima

Como o Baço é sensível a toda a umidade, principalmente devido à exposição prolongada ao clima úmido ou aos ambientes úmidos, que enfraquecem o Baço.


Doenças crônicas

A doença prolongada enfraquece e esgota progressivamente o Baço e, eventualmente, também enfraquece o Rim.


Terapia

Tonificar o Qi do Baço: BP3, BP2, B20, B21, E36, VC12 (Moxa)


Evitar

Alimentos Yin frios ou resfriados; excesso de sabores amargos; consumo excessivo de doces, especialmente açúcar refinado. Os mais comuns estão descritos abaixo:

  • Frutas: abacaxi, laranja, banana, kiwi, melancia, limão

  • Legumes: pepino, alimentos crus, consumo excessivo de saladas (especialmente durante as estações frias), tomate

  • Bebidas: bebidas frias ou geladas, laticínios

  • Queijos: cottage, requeijão, leite, produtos com leite azedo (por exemplo, iogurte, kefir)

Recomendado

Refeições regulares; pelo menos uma refeição quente por dia.

Alimentos doces e quentes, como:

  • Sabor: doce-quente, doce-morno, doce-neutro

  • Método de cozimento: neutro e aquecimento

  • Carnes: aves de capoeira, caldo de aves, cordeiro, carne bovina, caldo de carne, carne de veado

  • Peixes e frutos do mar: truta, salmão, atum, marisco

  • Frutas: maçã, damasco, tâmara, jujuba (tâmara chinesa), figo, cereja, pêssego, ameixa, passa, uva vermelha

  • Legumes: erva-doce, repolho, abóbora, cenoura, batata doce, cebola refogada (até ficar transparente)

  • Bebidas: chá de erva-doce, chá com especiarias e canela (chá de iogue), hidromel, licores, chá de seda de milho, chá de alcaçuz, suco de uva vermelha

  • Grãos: amaranto, aveia, milho, polenta, arroz

  • Nozes e sementes: amendoins, avelãs, pistache, gergelim, nozes

  • Adoçantes: xarope de bordo, malte de cevada, mel cru, maçapão, passas, açúcar mascavo, melaço

  • Especiarias: anis, pimenta-caiena, pimenta, erva-doce, gengibre, cardamomo, noz-moscada, baunilha, canela; também especiarias do elemento Fogo, como coentro, orégano, alecrim, tomilho


A duração do tratamento é de dois a três meses. É importante comer regularmente.


Sugestão: mingau de milho com passas, canela, nozes e frutas quentes no café da manhã.


Referência:

  1. Kastner, J. Chinese Nutrition Therapy - Dietetics in Traditional Chinese Medicine. Thieme 2004

270 visualizações

Todos os Direitos Reservados ©2019 by medicofisiatra.com.br. Para uso de algum dos conteúdos entrar em contato conosco.