Valeriana


O INTUITO DA POSTAGEM É EDUCACIONAL E SE BASEIA NOS CONHECIMENTOS DA MEDICINA TRADICIONAL. A AUTO-MEDICAÇÃO DEVE SER EVITADA E A AVALIAÇÃO MÉDICA É DESEJÁVEL ANTES DE SE UTILIZAR AS PLANTAS MEDICINAIS.


A valeriana é uma planta perene. Tem um caule simples que atinge 20-120 cm de altura. As folhas são pinadas com folíolos dentados. As flores são pequenas, rosa pálido, produzidas em um denso corimbo terminal na primavera e no verão.


Nome científico: Valeriana officinalis.

Nomes comuns: valeriana, baldriana, erva-de-são-jorge, erva-de-amassar, erva-de-gato, valeriana-menor, valeriana-selvagem, valeriana-silvestre.

Parte da planta utilizada: raízes.

Composição: ácido valerênico, valepotriato, óleo essencial.

Ação farmacológica: ansiolítico, sedativo.

Indicações: insônia, ansiedade.

Contraindicações: não utilizar em crianças com menos de 5 anos de idade.


Modo de usar: aqueça 1/4 litro de água até ferver e despeje sobre 2 colheres de chá de valeriana. Deixe em infusão por 10 minutos. Tome 1 xícara um pouco antes de dormir. O método mais eficaz é tomar valeriana em cápsulas ou comprimidos, vendidos em lojas de produtos naturais.


Alguns estudos sugerem que a valeriana pode auxiliar no tratamento da ansiedade, promover a sedação em pacientes submetidos à extração do 3º molar impactado, pode auxiliar no tratamento do transtorno obsessivo-compulsivo, e pode melhorar a qualidade do sono em homens.


#fitoterapia #valeriana #medicinatradicional #medicinaintegrativa #saudeintegrativa #plantasmedicinais

Referência bibliográfica:

Farah GJ, Ferreira GZ, Danieletto-Zanna CF, Luppi CR, Jacomacci WP. Assessment of Valeriana officinalis l. (Valerian) for Conscious Sedation of Patients During the Extraction of Impacted Mandibular Third Molars: A Randomized, Split-Mouth, Double-Blind, Crossover Study. J Oral Maxillofac Surg. 2019 Sep;77(9):1796.e1-1796.e8. doi: 10.1016/j.joms.2019.05.003. Epub 2019 May 9.

Kennedy DO, Little W, Haskell CF, Scholey AB. Anxiolytic effects of a combination of Melissa officinalis and Valeriana officinalis during laboratory induced stress. Phytother Res. 2006 Feb;20(2):96-102. doi: 10.1002/ptr.1787.

Leathwood PD, Chauffard F, Heck E, Munoz-Box R. Aqueous extract of valerian root (Valeriana officinalis L.) improves sleep quality in man. Pharmacol Biochem Behav. 1982 Jul;17(1):65-71. doi: 10.1016/0091-3057(82)90264-7.

López PM. Manual práctico de fitoterapia. Descripción de las plantas medicinales y preparación de remédios naturales. Guíasprácticas Nº 4. Plantasmedicinales.net, 2017

Pakseresht S, Boostani H, Sayyah M. Extract of valerian root (Valeriana officinalis L.) vs. placebo in treatment of obsessive-compulsive disorder: a randomized double-blind study. J Complement Integr Med. 2011 Oct 11;8:/j/jcim.2011.8.issue-1/1553-3840.1465/1553-3840.1465.xml. doi: 10.2202/1553-3840.1465.

13 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo