Sabal


O INTUITO DA POSTAGEM É EDUCACIONAL E SE BASEIA NOS CONHECIMENTOS DA MEDICINA TRADICIONAL. A AUTO-MEDICAÇÃO DEVE SER EVITADA E A AVALIAÇÃO MÉDICA É DESEJÁVEL ANTES DE SE UTILIZAR AS PLANTAS MEDICINAIS.


O sabal é uma planta nativa das áreas arenosas da costa atlântica do sul dos Estados Unidos (da Flórida à Louisiana e Carolina do Sul) e do México. Também se aclimatou no sul da Califórnia. É uma planta que pode atingir 3 metros de altura. As folhas podem medir até 1,5 m de comprimento, estão dispostas em forma de coroa. Eles são verdes brilhantes, em forma de leque, terminando em uma espinha, têm uma borda circular e são divididos em 15 a 30 lóbulos. A flor está disposta em taboa. A fruta comestível exala um odor de queijo e tem um sabor doce um tanto desagradável.


Nome científico: Serenoa repens (Sabal serrulata).

Nomes comuns: sabal, palmeira-serra.

Partes da planta utilizadas: frutos.

Composição: gorduras, fitoesterol, açúcares.

Ação farmacológica: espasmolítica, anti-inflamatória, antiandrogênica.

Indicações: problemas de próstata, problemas hormonais, inflamação da próstata.

Contra-indicação: náuseas.

Advertências: é recomendável consultar o seu médico se estiver seguindo algum tratamento hormonal. Tome sabal de preferência com o estômago cheio.


Modo de uso: cápsulas com extrato lipídico de saw palmetto, vendidas em lojas de dietética e saúde.


Alguns estudos sugerem que o sabal possa ter efeito semelhante à finasterida para a alopécia androgenica no homem, efeito semelhante à tansulosina nos sintomas, qualidade de vida e volume prostático em pacientes com hiperplasia prostática benigna, melhorar os sintomas de pessoas com hiperplasia prostática benigna, melhorar a prostatite crônica e a síndrome da dor crônica pélvica.


#fitoterapia #sabal #palmeiraserra #medicinatradicional #medicinaintegrativa #saudeintegrativa #plantasmedicinais

Referência bibliográfica:

  1. Cai T, Cui Y, Yu S, Li Q, Zhou Z, Gao Z.Comparison of Serenoa repens With Tamsulosin in the Treatment of Benign Prostatic Hyperplasia: A Systematic Review and Meta-Analysis. Am J Mens Health. 2020 Mar-Apr;14(2):1557988320905407. doi: 10.1177/1557988320905407.

  2. López PM. Manual práctico de fitoterapia. Descripción de las plantas medicinales y preparación de remédios naturales. Guíasprácticas Nº 4. Plantasmedicinales.net, 2017

  3. Rossi A, Mari E, Scarno M, Garelli V, Maxia C, Scali E, Iorio A, Carlesimo M.Comparitive effectiveness of finasteride vs Serenoa repens in male androgenetic alopecia: a two-year study. Int J Immunopathol Pharmacol. 2012 Oct-Dec;25(4):1167-73. doi: 10.1177/039463201202500435.

  4. Ye Z, Huang J, Zhou L, Chen S, Wang Z, Ma L, Wang D, Wang G, Wang S, Liang C, Qiu S, Gu X, Liu J, Weng Z, Wu C, Wei Q, Xie L, Wu W, Cheng Y, Hu J, Wang Z, Zeng X. Efficacy and Safety of Serenoa repens Extract Among Patients with Benign Prostatic Hyperplasia in China: A Multicenter, Randomized, Double-blind, Placebo-controlled Trial. Urology. 2019 Jul;129:172-179. doi: 10.1016/j.urology.2019.02.030. Epub 2019 Mar 14.

  5. Zhang K, Guo RQ, Chen SW, Chen B, Xue XB, Chen S, Huang J, Liu M, Tian Y, Zuo L, Chen M, Zhou LQ.The efficacy and safety of Serenoa repens extract for the treatment of patients with chronic prostatitis/chronic pelvic pain syndrome: a multicenter, randomized, double-blind, placebo-controlled trial. World J Urol. 2021 Sep;39(9):3489-3495. doi: 10.1007/s00345-020-03577-2. Epub 2021 Jan 16.

4 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo