Psyllium


O INTUITO DA POSTAGEM É EDUCACIONAL E SE BASEIA NOS CONHECIMENTOS DA MEDICINA TRADICIONAL. A AUTO-MEDICAÇÃO DEVE SER EVITADA E A AVALIAÇÃO MÉDICA É DESEJÁVEL ANTES DE SE UTILIZAR AS PLANTAS MEDICINAIS.


O psyllium é uma planta que é reconhecida pelo efeito laxante e favorece o trânsito intestinal. A parte utilizada é a semente da planta, que tem uma capacidade extraordinária de absorver líquidos. A celulose, por não ser digerida pelo sistema digestivo humano, aumenta muito o tamanho das fezes, auxiliando em casos de prisão de ventre e eliminando as toxinas acumuladas de forma muito eficaz.


Nome científico: Plantago afra.

Nomes comuns: plantago indiano, ispágula, psylium, ispaghula.

Parte da planta utilizada: sementes.

Composição: mucilagens, proteínas, gorduras.

Ação farmacológica: laxante, antidiarreico, emoliente.

Indicações: constipação, hemorróidas, fissura anal, diabetes, hiperglicemia.

Contraindicações: obstrução intestinal.


Modo de usar: coloque uma colher de chá de psyllium em um copo grande de porcelana cheio de água. Deixe de um dia para o outro de molho. De manhã, mexa um pouco a mistura e se a temperatura ambiente estiver muito fria (inverno), aqueça por 1 minuto no micro-ondas. Beba de um gole, sem mastigar as sementes.


#fitoterapia #plantago #psyllium #medicinatradicional #medicinaintegrativa #saudeintegrativa #plantasmedicinais

Referência bibliográfica:

López PM. Manual práctico de fitoterapia. Descripción de las plantas medicinales y preparación de remédios naturales. Guíasprácticas Nº 4. Plantasmedicinales.net, 2017

17 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo