top of page

Os Pontos Shu - Aplicação Clínica Geral


Durante a longa história da medicina chinesa, várias tentativas foram feitas para sistematizar os cinco pontos shu em termos de sua natureza, suas funções e suas indicações:

De acordo com o Clássico das Dificuldades, os cinco pontos shu são indicados nas seguintes situações:

  • Pontos jing (poço) para a plenitude abaixo do Coração, patógeno do Fígado.

  • Pontos ying (fonte) para o calor no corpo, patógeno do Coração.

  • pontos shu (corrente) para o peso do corpo e dor nas articulações, patógeno do Baço.

  • pontos jing (rio) para a tosse e dispneia, calafrios e febre, patógeno do Pulmão.

  • pontos he (mar) para o Qi de contrafluxo e diarreia, patógeno do Rim.

De acordo com as estações

  • Os cinco Zang correspondem ao inverno, no inverno agulha os pontos jing (poço)

  • As cinco cores correspondem à primavera, na primavera agulha os pontos ying (fonte).

  • As estações correspondem ao verão, no verão agulha os pontos shu (corrente).

  • Os sons musicais correspondem ao final do verão, no final do verão agulha os pontos jing (rio).

  • Os sabores correspondem ao outono, no outono agulha os pontos he (mar).


De acordo com a sintomatologia

  • Quando a doença estiver no Zang, agulhar o ponto jing (poço).

  • Se se manifestar como uma mudança na cor na pele, agulha o ponto ying (fonte).

  • Quando a doença ataca de forma intermitente, agulha o ponto shu (corrente).

  • Quando a doença se manifestar como alterações na voz do paciente, agulhar o ponto do jing (rio).

  • Se houver doença do estômago e distúrbios resultantes da alimentação irregular, agulhar o ponto he (mar).

Os ramos divergentes dos canais Yang alcançam o interior e se conectam com o Fu. Os pontos ying (fonte) e shu (corrente) tratam o canal, os pontos he (mar) tratam o Fu.

  • Os cinco Zang são Yin enquanto os seis Fu são Yang; externamente os tendões e ossos são Yin enquanto a pele é Yang.

  • Quando a doença estiver no Yin dentro do Yin (Zang), agulhar os pontos ying (fonte) e shu (corrente) dos canais Yin.

  • Quando a doença está no Yang dentro do Yang (pele), agulha os pontos he (mar) dos canais Yang.

  • Quando a doença estiver no Yin dentro do Yang (tendões e ossos), agulhar os pontos jing (rio) dos canais Yin.

  • Quando a doença está no Yang dentro do Yin (Fu), agulha os pontos de conexão luo.


Referências bibliográficas:

  1. Deadman P, Al-Khafaji M, Baker K. A Manual of Acupuncture. Journal of Chinese Medicine 1998. ISBN: 0951054678

  2. Focks, C. Guia prático de acupuntura: localização de pontos e técnicas de punção. Barueri, SP: Manole, 2008

  3. Yamamura, Y. Acupuntura tradicional - A Arte de Inserir. 2ª ed. São Paulo, SP: Roca, 2004

38 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Comments


bottom of page