Orégano


O INTUITO DA POSTAGEM É EDUCACIONAL E SE BASEIA NOS CONHECIMENTOS DA MEDICINA TRADICIONAL. A AUTO-MEDICAÇÃO DEVE SER EVITADA E A AVALIAÇÃO MÉDICA É DESEJÁVEL ANTES DE SE UTILIZAR AS PLANTAS MEDICINAIS.


O orégano é uma das plantas mais difundidas em todo o mundo. Isso se deve ao seu uso na cozinha; principalmente massas, pratos de tomate, saladas e marinadas. Seu uso na fitoterapia não é tão conhecido. Tem um alto valor digestivo e é um ótimo antisséptico.


Nome científico: Origanum vulgare.

Nomes comuns: orégano, oregão, manjerona-brava, manjerona-selvagem.

Parte da planta utilizada: flores.

Composição: óleo essencial, taninos, triterpenos, flavonóides.

Ação farmacológica: antisséptico, antifúngico, digestivo.

Indicações: dispepsia, feridas, picadas.

Contraindicações: alergia a algum dos seus componentes.

Advertências: não ingerir o óleo essencial de orégano, pois pode ser tóxico.


Modo de uso:

Uso interno: a melhor forma é adicionar orégano às refeições como condimento, para favorecer a digestão dos alimentos.

Uso externo: óleo essencial de orégano puro para desinfetar e curar feridas e para picadas de insetos.


O resultado de um estudo sugefre que o orégano pode apresentar um efeito antibacteriano, semelhante ao tratamento antibiótico, sem promover a disbiose específica da síndrome metabólica.


#fitoterapia #oregano #medicinatradicional #medicinaintegrativa #saudeintegrativa #plantasmedicinais


Referência bibliográfica:

  1. Ghitea TC, El-Kharoubi A, Ganea M, Bimbo-Szuhai E, Nemeth TS, Ciavoi G, Foghis M, Dobjanschi L, Pallag A, Micle O. The Antimicrobial Activity of Origanum vulgare L. Correlated with the Gastrointestinal Perturbation in Patients with Metabolic Syndrome. Molecules. 2021 Jan 8;26(2):283. doi: 10.3390/molecules26020283.

  2. López PM. Manual práctico de fitoterapia. Descripción de las plantas medicinales y preparación de remédios naturales. Guíasprácticas Nº 4. Plantasmedicinales.net, 2017

13 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo