A teoria da atribuição e a pessoa com dor miofascial


A teoria da atribuição e a pessoa com dor miofascial


A teoria da atribuição consiste na culpabilização dos pacientes por sua experiência, que, por sua vez, está relacionada ao estigma provocado por profissionais de saúde que fornecem a assistência em saúde aos pacientes que os procuram.

O profissional pode culpabilizar e atribuir o surgimento e os impactos contínuos dos sintomas a algo causado e/ou controlado pelo paciente.

Este tipo de situação ocorre quando o profissional está menos sensível pelo paciente ou quando demonstra mais raiva.

Quando ocorre a atribuição, isso pode levar a um prejuízo no diagnóstico, subtratamento ou escolha de um tratamento inadequado, levando a danos mais graves à relação terapêutica e colocando o paciente em um maior risco.

#dormiofascial #pontogatilhomiofascial #dor #dorcrônica #dormuscular #reabilitação

#fisiatria

Referência bibliográfica:

Donnelly, JM. et al. Dor e disfunção miofascial de Travell, Simons & Simons. Manual de

pontos-gatilho. 3ª edição. Artmed. Porto Alegre. 2020

7 visualizações

Todos os Direitos Reservados ©2019 by medicofisiatra.com.br. Para uso de algum dos conteúdos entrar em contato conosco.